Search

Translate

SELEÇÃO MASCULINA PERDE E FICA COM A PRATA


Depois de fracassar na Liga Mundial quando perdeu a final para os EUA em pleno Maracanãzinho, o Brasil vai a Pequim com os americanos "atravessados na garganta".

Na primeira fase disputou cinco jogos vencendo quatro e perdendo apenas um ,Egito 3x0, Sérvia 3x1, Russia 1x3, Polônia 3x0, Alemanha 3x0, classificando-se me primeiro do grupo pegando na fase seguinte a fraca equipe da China, que não ofereceu resistência perdendo o jogo por 3x0.

Na semifinal o adversário foi a Itália teoricamente mais forte, mas que ultimamente não vem bem nas competições, resultado, vitória brasileira por 3x1.

Ésta é quarta final olímpica brasileira.

Pelo outro lado os americanos pegaram adversários duríssimos como Bulgária, Rússia e Sérvia. Embalados pela conquista da Liga Mundial os americanos não dão chances aos adversários batendo um a um e chegando a mais uma final contra o Brasil. É o duelo dos bicampeões Olímpicos.

Em uma partida que levou duas horas e cinco minutos o Brasil vence o primeiro set 25x20.
No segundo set os americanos com um saque potentissimo do oposto Stanley no finalzinho do set desmancha com a recepção brasileira vencendo o set de virada por 25x22.

No terceiro set Brasil tenta de todas as formas imprimir seu ritmo de jogo sem muito exito, o forte bloqueio dos EUA marcam muito bem nossa ataque e mais uma vez vencem o set por 25x21.

O quarto set não podia ser diferente, com os jogadores Giba, Dante e André Heller apáticos sentindo a reação americana o Brasil cede mais uma vez a virada devido aos fortes saques e ataques de Stanley e uma atuação impecável com muita raça de Priddy, Ball, Lee, Millar, Lambourne e Salmon, perde o set por 25x23. Final EUA 3x1 Brasil. Com isto os americanos tornaram-se os primeiros tricampeões olímpicos sem perder uma final.


Postar um comentário

Postagens populares